Cada Dia, o Ano Todo!
Maio
D S T Q Q S S
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31      
BUSCA:
  

Menu Principal

INICIANTES
    Evangelismo
    Principiantes
    Discipulado
    Discipulador
    Introdução à Bíblia
    Apostilas
AVANÇADO
    Homilética
    Hermenêutica
    Religiões
    Seitas
    Doutrinas
    História da Igreja
VIDA CRISTÃ
    Aos Cristãos em Geral
    Aconselhamento
    Minhas Pérolas
    Finanças
BÍBLIA
    As Escrituras
    VT - Diversos
    VT - História
    VT - Livros
    VT - Sinopse
    NT - Diversos
    NT - História
    NT - Livros
    NT - Sinopse
    Mapas
    Cronologias
    Provérbios
    Salmos
    Panorâmica
    Bíblia Toda em Um Ano
    Esquemas Mensais
ELES / ELAS
    Casais
    Homens
    Líderes
    Liderança
    Maná da Segunda
    Mulheres
    Dicas
    Receitas
EBD / EBF
MISSÕES
    Missões
    Missionários
    Diversos
DIVERSOS
    Hoje
    De a A a Z
    Folhetos
    Reflexões
    Eventos
    Dias Especiais
    Ocasiões
    Publicações

05 13 LIVRES por Jesus ! oc
05 01 Dia do Trabalho oc
05 02 sobre o Trabalho oc rfx
05 13 Abolição oc
05 15 Efeitos da libertação oc rfx
Dentro.Fora da IGREJA oc
05 04 Mãe, que presente quer ? oc
1+ 1 = 1 ? * oc rfx
07 de abril Hist oc
é FERIADO oc
*Devocionais de janeiro oc
uma cançãopara amenizar
 



...Marketing de Deus

MANÁ DA SEGUNDA www.cbmc.org.br           

                                                                                                  20 de dezembro de 2010

Treze anos servindo as comunidades empresarial e profissional


Estratégia de Marketing de Deus_ Robert J. Tamasy

 

      Marketing é tudo - pelo menos é o que dizem.
-É preciso criar identidade com o cliente. Encontrar nicho para nosso produto ou serviço. Trabalhar para firmar uma marca reconhecível. Lutar por visibilidade e permanecer em primeiro lugar na mente de clientes e consumidores quando necessitarem de algo que tenhamos para oferecer. Conquistar mais “fatia do mercado”!

     Como fazer isso? Temos diversas opções:dar entrevista coletiva à imprensa; imprimir folhetos coloridos e atraentes; criar um site avançado, de alto impacto; dar entrevistas na TV, rádio e jornais;  contratar um relações públicas; formular estratégia multimídia de propaganda; ter um personagem famoso avalizando o produto.

   Ao celebrar o Natal no final desta semana, parece que Deus deixou o marketing de lado. Se não, as circunstâncias que cercaram o nascimento do Cristo teriam sido tratadas de maneira diversa.

Consideremos o seguinte:
(1) Jesus, o Filho de Deus, nasceu no pequeno e obscuro vilarejo de Belém, que não era rota comercial importante, tampouco um lugar que chamasse atenção;
(2) sem
“orçamento” para marketing, os pais de Jesus careciam de fundos até para alugar um quarto de hotel decente; seu bebê nasceu num humilde estábulo,cercado por animais e tendo por berço uma manjedoura;
(3) não havia “mídia” a levar em conta; a imprensa levaria 1.500 anos para ser inventada;
                  - foto, rádio e TV não eram nem mesmo ficção na imaginação de alguém.

A lista poderia ir longe. Um famoso hino de natal diz, “Ouça os Anjos Mensageiros Cantar”. Eles foram os únicos a fazer uma proclamação formal. As primeiras testemunhas em cena foram pastores anônimos sem nenhuma influência na dominante cultura romana. Mesmo assim, dentro de dias, milhões de seguidores em todo o mundo celebrarão o nascimento de Jesus Cristo. Como isso pode ter acontecido sem qualquer ação de marketing? Porém, isso se realizou pela implementação de princípios comumente adotados no mundo de negócios. Vejamos:

1-  Clientes satisfeitos. A melhor propaganda é feita quando as pessoas pessoalmente atestam o valor de um produto que usaram ou experimentaram. Sem salários ou comissões, eles são  “clientes satisfeitos”.“...Esses homens que têm causado alvoroço por todo o mundo, agora chegaram aqui”(Atos17.6).

 

2- Testemunhos de excelência. Quando clientes ou consumidores estão entusiasmados com um bom serviço, ficam ansiosos para alardear isso para outras pessoas.“O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e as nossas mãos apalparam, isto proclamamos a respeito da Palavra da vida... Nós lhes proclamamos o que vimos e ouvimos para que vocês também tenham comunhão conosco” (I João 1.1-3).

 

3- Promessas cumpridas. É comum exagerar a competência de produtos ou serviços. Mas quando entregamos o que prometemos, ganhamos um cliente para toda a vida. “Mas receberão poder quando o Espírito Santo descer sobre vocês, e serão Minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra”(Atos 1.8).

 

Feliz Natal !     Próxima semana tem mais!


Texto de Robert J. Tamasy, vice-presidente de comunicações da Leaders Legacy, corporação beneficente com sede em Atlanta. Georgia, USA.  Com mais de 30 anos de trabalho como jornalista, é co-autor e editor de nove livros.Tradução de Mércia Padovani. Revisão e adaptação de J. Sergio Fortes (fortes@cbmc.org.com)  /   MANÁ DA SEGUNDA® é uma refelxão semanal do CBMC - Conecting Business and Marketplace to Christ, organização mundial, sem fins lucrativos e vínculo religioso, fundada em 1930, com o propósito de compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo com a comunidade profissional e empresarial. © 2009 - DIREITOS RESERVADOS PARA CBMC BRASIL -  E-mail: liong@cbmc.org.br -Desejável distribuição gratuita na íntegra. Reprodução requer prévia autorização. Disponível também em alemão, espanhol, inglês, italiano e japonês. /   Somos contra o SPAM na rede e em favor do direito à privacidade. Esta mensagem não é considerada SPAM, pois o remetente está identificado, o conteúdo claramente descrito e com a opção de exclusão de seu e-mail. Para exclusão do seu nome de nossa lista de mailing , por favor, envie um email para liong@cbmc.org.br escrevendo 'REMOVER' no campo de assunto.


Questões Para Reflexão ou Discussão
1. Como você está planejando festejar o natal este ano?

2. Que diferença faria para você se Jesus não tivesse nascido e não houvesse motivo para celebrar o natal?
3. Quando pensa em Jesus Cristo, você se considera um “cliente satisfeito” ou um 'cliente céptico'?
4. Em sua opinião, por que Deus escolheu aquela ocasião para o primeiro natal, ao invés de esperar por uma era como a atual, cheia de recursos de marketing e de mídia? 
5-
Desejando considerar outras passagens da Bíblia relacionadas ao tema, sugerimos: Mateus 28.16-20; Lucas 24.45-49; João 21.24-25; Atos 1.1-11; Gálatas 2.20. 

 

 

 

Para assinar ou cancelar - http://cbmc.org.br/mana.htm







Pérolas.Preciosas - Copyright © 2005-2020 - Todos os direitos reservados ao autor
Permitido imprimir, tirar cópias e colocar em boletins informativos, desde que citando a fonte.