Cada Dia, o Ano Todo!
Maio
D S T Q Q S S
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31      
BUSCA:
  

Menu Principal

INICIANTES
    Evangelismo
    Principiantes
    Discipulado
    Discipulador
    Introdução à Bíblia
    Apostilas
AVANÇADO
    Homilética
    Hermenêutica
    Religiões
    Seitas
    Doutrinas
    História da Igreja
VIDA CRISTÃ
    Aos Cristãos em Geral
    Aconselhamento
    Minhas Pérolas
    Finanças
BÍBLIA
    As Escrituras
    VT - Diversos
    VT - História
    VT - Livros
    VT - Sinopse
    NT - Diversos
    NT - História
    NT - Livros
    NT - Sinopse
    Mapas
    Cronologias
    Provérbios
    Salmos
    Panorâmica
    Bíblia Toda em Um Ano
    Esquemas Mensais
ELES / ELAS
    Casais
    Homens
    Líderes
    Liderança
    Maná da Segunda
    Mulheres
    Dicas
    Receitas
EBD / EBF
MISSÕES
    Missões
    Missionários
    Diversos
DIVERSOS
    Hoje
    De a A a Z
    Folhetos
    Reflexões
    Eventos
    Dias Especiais
    Ocasiões
    Publicações

05 13 LIVRES por Jesus ! oc
05 01 Dia do Trabalho oc
05 02 sobre o Trabalho oc rfx
05 13 Abolição oc
05 15 Efeitos da libertação oc rfx
Dentro.Fora da IGREJA oc
05 04 Mãe, que presente quer ? oc
1+ 1 = 1 ? * oc rfx
07 de abril Hist oc
é FERIADO oc
*Devocionais de janeiro oc
uma cançãopara amenizar
 



...FOCO

MANÁ DA SEGUNDA www.cbmc.org.br           

                                                                                               14 de março de 2011

Treze anos servindo as comunidades empresarial e profissional


                            Foco  Por Jim Mathis
        Tempos atrás fui surpreendido pelo entendimento proporcionado por uma história em quadrinhos, retratando uma pessoa com grande dificuldade para concentrar o foco em uma única tarefa. O personagem tentava desesperadamente – e falhava miseravelmente – lidar com todas as situações que requeriam sua atenção ao mesmo tempo.
          Parece que está se tornando cada vez mais difícil nos concentrarmos numa única coisa por muito tempo. A sociedade moderna definitivamente tem nos levado a manter períodos curtos de atenção. Se assistirmos qualquer programa de tevê ou filme, vamos notar como as coisas se movem rapidamente e o ritmo acelerado do enredo. Um comercial típico de tevê muda as imagens a cada poucos segundos, às vezes menos. A lógica é: se não capturarmos a atenção do indivíduo imediatamente. ele vai se voltar para outra coisa.  Com tantas coisas competindo por nossa energia mental, que vão da Internet passando pelas mensagens de texto e e-mails, é de admirar que ainda sejamos capazes de concen-trar o foco em alguma coisa. A realidade, contudo, é que as maiores realizações do mundo foram alcançadas por pessoas que permaneceram focadas numa tarefa até ver seus objetivos ser atingidos.   
   
Realizar múltiplas tarefas simultaneamente, nos dizem, é ótimo. Mas isso simplesmente significa que não estamos empregando cem porcento de nossa atenção e energia em coisa alguma. Muitos acidentes – dirigindo um carro, operando uma máquina ou cuidando de uma criança – ocorrem porque as pessoas se distraem ou tentam fazer mais de uma coisa por vez. Mesmo que não ocorra nenhum desastre, permitir que inúmeras demandas dispu-tem nossa atenção resulta em desempenhos medíocres. 
     
Anos atrás decidi diminuir meu foco profissional. Eu me defini como fotógrafo, escritor e músico. Isso por si só parece muito, mas o que deixei para trás era igualmente importan-te. O que eu quis dizer era que não iria tentar ser jogador de golfe, jardineiro, pescador ou marceneiro. Sabendo que dispunha de um limitado número de horas por dia, decidi dedi-car-me ao que gostava mais e fazia melhor. Em última análise, queria reconhecer e seguir a minha vocação. Desde então descobri que posso definir com clareza quem eu sou, e o que faço tem me ajudado a manter minha vida focada. Afinal de contas, ao contrário de máqui-nas fotográficas sofisticadas, não somos equipados com “foco automático”. 
    
Há um vigoroso princípio espiritual por trás do desejo de manter foco apesar das muitas distrações da vida. A Bíblia diz: “E tudo o que vocês fizerem ou disserem, façam em nome do Senhor Jesus... O que vocês fizerem façam de todo o coração, como se estivessem servindo ao Senhor e não as pessoas. ...o verdadeiro Senhor que vocês servem é Cristo” (Colossenses 3.17,23-24). 
  
Olhando em redor e vendo a maravilhosa criação de Deus, observamos que Ele não fez nada medíocre ou com indiferença. Tudo Ele fez com excelência. Devíamos esforçar para fazer o mesmo.  Dirigindo um negócio, servindo a um cliente, construindo um casamento ou criando um filho, precisamos de foco e segurança que o que estamos fazendo, está recebendo toda nossa atenção e  nosso melhor esforço.  Próxima semana tem mais!


Texto de autoria de Jim Mathis, diretor executivo do CBMC em Kansas, Missouri e em conjunto com a esposa Louise dirigem uma Cafeteria. Tradução de Mércia Padovani. Revisão e adaptação de J. Sergio Fortes (fortes@cbmc.org.com) /  MANÁ DA SEGUNDA® é uma refelxão semanal do CBMC - Conecting Business and Marketplace to Christ, organização mundial, sem fins lucrativos e vínculo religioso, fundada em 1930, com o propósito de compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo com a comunidade profissional e empresarial. © 2008 - DIREITOS RESERVADOS PARA CBMC BRASIL -  E-mail: liong@cbmc.org.br -Desejável distribuição gratuita na íntegra. Reprodução requer prévia autorização. Disponível também em alemão, espanhol, francês, inglês, italiano e japonês./  Somos contra o SPAM na rede e em favor do direito à privacidade. Esta mensagem não é considerada SPAM, pois o remetente está identificado, o conteúdo claramente descrito e com a opção de exclusão de seu e-mail. Para exclusão do seu nome de nossa lista de mailing , por favor, envie um email para liong@cbmc.org.br escrevendo 'REMOVER' no campo de assunto.


                    Questões Para Reflexão ou Discussão
1.  O que você pensa sobre realizar múltiplas tarefas ao mesmo tempo? Algumas pessoas têm grande orgulho disso, crendo que assim são mais eficientes. Você é uma delas? 2.  Que coisas geralmente competem por sua atenção?
      -Você tem sido bem-sucedido em equilibrar exigências potencialmente conflitantes?
3.  O que você pensa da determinação do autor em limitar seu foco pessoal e profissional?
      Você já fez algo parecido ou sente que isso poderia ser útil no seu caso?
4.  O que significa para você a passagem bíblica citada (O que vocês fizerem façam de todo o coração, como se estivessem servindo ao Senhor)? Como poderia fazer isso de maneira prática?5- Desejando considerar outras passagens da Bíblia relacionadas ao tema, sugerimos
        Provérbios 12.11,24; 18.9; 19.2; 21.5; 24.27; 1Tessalonicenses 4.11.

 







Pérolas.Preciosas - Copyright © 2005-2020 - Todos os direitos reservados ao autor
Permitido imprimir, tirar cópias e colocar em boletins informativos, desde que citando a fonte.