Cada Dia, o Ano Todo!
Maio
D S T Q Q S S
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31      
BUSCA:
  

Menu Principal

INICIANTES
    Evangelismo
    Principiantes
    Discipulado
    Discipulador
    Introdução à Bíblia
    Apostilas
AVANÇADO
    Homilética
    Hermenêutica
    Religiões
    Seitas
    Doutrinas
    História da Igreja
VIDA CRISTÃ
    Aos Cristãos em Geral
    Aconselhamento
    Minhas Pérolas
    Finanças
BÍBLIA
    As Escrituras
    VT - Diversos
    VT - História
    VT - Livros
    VT - Sinopse
    NT - Diversos
    NT - História
    NT - Livros
    NT - Sinopse
    Mapas
    Cronologias
    Provérbios
    Salmos
    Panorâmica
    Bíblia Toda em Um Ano
    Esquemas Mensais
ELES / ELAS
    Casais
    Homens
    Líderes
    Liderança
    Maná da Segunda
    Mulheres
    Dicas
    Receitas
EBD / EBF
MISSÕES
    Missões
    Missionários
    Diversos
DIVERSOS
    Hoje
    De a A a Z
    Folhetos
    Reflexões
    Eventos
    Dias Especiais
    Ocasiões
    Publicações

05 13 LIVRES por Jesus ! oc
05 01 Dia do Trabalho oc
05 02 sobre o Trabalho oc rfx
05 13 Abolição oc
05 15 Efeitos da libertação oc rfx
Dentro.Fora da IGREJA oc
05 04 Mãe, que presente quer ? oc
1+ 1 = 1 ? * oc rfx
07 de abril Hist oc
é FERIADO oc
*Devocionais de janeiro oc
uma cançãopara amenizar
 



Você AVISARIA ? %

MANÁ DA SEGUNDA www.cbmc.org.br     
www.facebook.com/CBMCBRASIL
     
https://soundcloud.com/cbmcbrasil 
 
10 de fevereiro de 2014
Dezesseis anos servindo as comunidades empresarial e profissional


Você Avisaria?   Por Ken Korkow

Se você visse um colega de trabalho saindo do banheiro e notasse que ele se esqueceu de fechar o zíper das calças, você o avisaria para evitar que enfrentasse uma situação embaraçosa? E se você estivesse no estacionamento depois do trabalho e parasse para uma conversa rápida com uma colega e notasse que o pneu do carro dela estava murcho, você a avisaria para evitar que enfrentasse um problema a caminho de casa? E se você reconhecesse que um amigo no trabalho tem um hábito ou característica que o impede de progredir na empresa, você lhe diria isso para que ele pudesse mudar ? Esta última provavelmente seria a mais difícil, já que nem todos reagem positivamente quando suas faltas são apontadas. Creio, porém, que em todas essas hipóteses o melhor seria informar as pessoas e dar-lhes a oportunidade de corrigir. Certamente gostaríamos que alguém nos dissesse caso fossemos nós. 
Mudando um pouco as circunstâncias, suponha que você tivesse informações muito úteis para compartilhar com um colega. Por exemplo, um novo software que poderia melhorar a qualidade do serviço dele, ou um conhecimento sobre as necessidades de um cliente que poderia ajudá-lo a fechar uma venda. Você diria isso ao seu colega? E você gostaria que lhe informassem se fossem outros que tivessem essa dica? Podemos não ter obrigação legal ou ética de agir assim, mas seria a coisa certa a ser feita.   Contudo, quando se trata de abordar assuntos de ordem espiritual, geralmente nos sentimos como se estivéssemos “impondo” algo ao declararmos nossas crenças mais profundas. Sim, é preciso respeitar as crenças dos outros, concordem elas com as nossas ou não. Mas se estamos convencidos que questões de fé são fundamentais, seja na vida pessoal ou profissional, por que relutar em falar sobre elas com os outros? 
 
No século XIX, o pregador britânico Charles H. Spurgeon fez esta desafiadora declaração: “Se os pecadores estão condenados, pelo menos que eles cheguem ao inferno passando por cima de nossos corpos. Se vão perecer, que pereçam com nossos braços em torno de seus joelhos. Que ninguém vá para lá desavisado ou sem que tenhamos orado por ele.  
Jesus fez uma declaração que muitos de Seus ouvintes consideraram audaciosa, até intolerante: Eu sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém pode chegar até o Pai a não ser por Mim” (João 14.6). Todos os dias encontramos pessoas que pensam que “todos os caminhos levam a Deus”; e outras que creem que esta vida é 'tudo o que existe'. Se realmente cremos no céu e no inferno, e que Jesus é o único meio de passarmos a eternidade com Deus, é errado dizer isto a outros?  Em Colossenses 1.28-29 Paulo escreveu: Assim nós anunciamos Cristo a todas as pessoas. Com toda a sabedoria possível, aconselhamos e ensinamos cada pessoa, a fim de levar todos à presença de Deus como pessoas espiritualmente adultas e unidas com Cristo. É para realizar essa tarefa que eu trabalho e luto com a força de Cristo, que está agindo poderosamente em mim”.     Se você me visse indo direto para o inferno, você me avisaria?

Próxima semana tem mais!


Questões Para Reflexão ou Discussão

1. Você já abordou um colega para avisá-lo de algum problema, pequeno ou grande? Você hesitou ao fazer isso? Como ele reagiu?

2. Como você se sentiria se tivesse um problema do qual não estivesse ciente e ninguém se importasse ou tivesse a coragem de avisá-lo?

3. Por que você acredita que as pessoas relutam em falar com outros sobre assuntos relacionados à fé, mesmo que achem que a espiritualidade seja importante parte da vida, no ambiente de trabalho?

4. Alguém já falou com você sobre assuntos relacionados à fé no ambiente de trabalho? Quando é apropriado manter essas conversas e quando não é?

     Desejando considerar outras passagens da Bíblia relacionadas ao tema, sugerimos:
     João 3.16; Mateus 28.18-20; Efésios 6.19-20; Colossenses 4.5-6; 1Pedro 3.5.

 

Artigo de autoria de Ken Korkow, que mora em Omaha, Nebraska, U.S.A., onde ele serve como Diretor do CBMC. Adaptado de “Fax of Life” (Fax da Vida), coluna que ele escreve semanalmente. Usado com a devida permissão. Tradução deMércia Padovani. Revisão e adaptação de J. Sergio Fortes (fortes.sergio@gmail.com).


MANÁ DA SEGUNDA®é uma reflexão semanal do CBMC -Conecting Business and Marketplace to Christ, organização mundial, sem fins lucrativos e vínculo religioso, fundada em 1930, com o propósito de compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo com a comunidade profissional e empresarial. ©2009 - DIREITOS RESERVADOS PARA CBMC BRASIL - E-mail:liong@cbmc.org.br-Desejável distribuição gratuita na íntegra. Reprodução requer prévia autorização. Disponível também em alemão, espanhol, inglês, italiano e japonês.


Somos contra o SPAM na rede e em favor do direito à privacidade. Esta mensagem não é considerada SPAM, pois o remetente está identificado, o conteúdo claramente descrito e com a opção de exclusão de seu e-mail. Para exclusão do seu nome de nossa lista de mailing , por favor, envie um email para liong@cbmc.org.brescrevendo 'REMOVER' no campo de assunto.









Pérolas.Preciosas - Copyright © 2005-2020 - Todos os direitos reservados ao autor
Permitido imprimir, tirar cópias e colocar em boletins informativos, desde que citando a fonte.