Cada Dia, o Ano Todo!
Maio
D S T Q Q S S
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31      
BUSCA:
  

Menu Principal

INICIANTES
    Evangelismo
    Principiantes
    Discipulado
    Discipulador
    Introdução à Bíblia
    Apostilas
AVANÇADO
    Homilética
    Hermenêutica
    Religiões
    Seitas
    Doutrinas
    História da Igreja
VIDA CRISTÃ
    Aos Cristãos em Geral
    Aconselhamento
    Minhas Pérolas
    Finanças
BÍBLIA
    As Escrituras
    VT - Diversos
    VT - História
    VT - Livros
    VT - Sinopse
    NT - Diversos
    NT - História
    NT - Livros
    NT - Sinopse
    Mapas
    Cronologias
    Provérbios
    Salmos
    Panorâmica
    Bíblia Toda em Um Ano
    Esquemas Mensais
ELES / ELAS
    Casais
    Homens
    Líderes
    Liderança
    Maná da Segunda
    Mulheres
    Dicas
    Receitas
EBD / EBF
MISSÕES
    Missões
    Missionários
    Diversos
DIVERSOS
    Hoje
    De a A a Z
    Folhetos
    Reflexões
    Eventos
    Dias Especiais
    Ocasiões
    Publicações

05 13 LIVRES por Jesus ! oc
05 01 Dia do Trabalho oc
05 02 sobre o Trabalho oc rfx
05 13 Abolição oc
05 15 Efeitos da libertação oc rfx
Dentro.Fora da IGREJA oc
05 04 Mãe, que presente quer ? oc
1+ 1 = 1 ? * oc rfx
07 de abril Hist oc
é FERIADO oc
*Devocionais de janeiro oc
uma cançãopara amenizar
 



Efeito PIGMALIÃO %

MANÁ DA SEGUNDA    www.cbmc.org.br                                                                                                  http://www.facebook.com/groups/CBMCBRASIL    https://soundcloud.com/cbmcbrasil

30 de novembro de 2015

Dezoito anos servindo às comunidades empresarial e profissional


Efeito 'Pigmaleão'   Por Jim Langley

 

Em meados da década de 1970, quando trabalhava em recursos humanos, fui apresentado ao “Efeito Pigmaleão”, um conceito que enfatizava a importância de sempre “esperar o melhor” de seus empregados. Isto se baseava em um estudo de Robert Rosenthal e Lenore Jacobson, e também era conhecido como “Efeito Rosenthal”. Ele afirmava simplesmente que grandes expectativas sobre as pessoas geralmente levam à  melhoria em seu desempenho. 

    Esse fenômeno psicológico recebia o nome de um personagem mitológico grego, Pigmaleão, o qual, de acordo com a estória, se apaixonou por uma estátua de mármore que havia entalhado e que mais tarde ganhou vida. George Bernard Shaw levou a ideia um passo adiante em sua peça teatral, “Pigmaleão”, seguida pela versão para o cinema e um musical de Lerner e Loewe, com o nome de “My Fair Lady”. Inspirado pela ideia, durante os últimos 40 anos tenho exibido uma pequena placa em meu escritório, na qual se lê: “Espere Pelo Melhor”. Mesmo quando eu ainda não conhecia Jesus Cristo, acreditava que era útil ser lembrado que manter uma atitude positiva pode fazer uma diferença poderosa na vida das outras pessoas. Hoje, seguidor de Jesus, posso ver um valor ainda maior nessa filosofia. 

    As expectativas que mantemos sobre nós e as outras pessoas são menores do que as expectativas de Deus a nosso respeito.  Com tanto negativismo neste mundo facilmente ficamos desencorajados e deixamos de alcançar nosso verdadeiro potencial. Esperar pelo melhor tem se tornado mais natural para mim, já que sempre fui um otimista, uma daquelas pessoas que preferem ver o copo meio cheio e não meio vazio! Mas até mesmo para os pensadores mais positivistas, às vezes, fica difícil. 

    Em minha carreira no ramo de venda de seguros, concentro o meu foco em marcar entrevistas, já que sei que serei bem-sucedido em atingir minha cota se simplesmente vir um número suficiente de pessoas a cada semana. Aprendi rapidamente a esperar o melhor e então escolhi um grande encorajador para a minha equipe: Jesus Cristo entrou em minha vida no oitavo mês de minha carreira, e Ele fez uma diferença imensurável para mim e para as pessoas com as quais trabalho. 

    Nunca me deixei impressionar pela chamada “teologia da prosperidade”, mas entendi lendo a Bíblia que Deus espera o melhor de cada um de nós em tudo o que fazemos. Por este motivo endosso sinceramente as palavras do apóstolo Paulo em Colossenses 3:23-24: “Tudo o que fizerem, façam de todo o coração, como para o Senhor, e não para os homens, sabendo que receberão do Senhor a recompensa da herança.”

    A Bíblia também ensina que a diligência e dedicação ao fazermos o nosso melhor serão reconhecidas: “Você já observou um homem habilidoso em seu trabalho? Será promovido ao serviço real; não trabalhará para gente obscura.” (Provérbios 22:29). 

    Desde 1998 adotei o lema “Aqui Para Servir” e encerro a maior parte de minha correspon-dência com esta frase. Para mim ela serve como um lembrete permanente de que Deus espera que eu dê o meu melhor para Ele e para os meus clientes. Estou aqui antes de tudo para servir a Ele, mas também para ser útil para meus clientes. Ter a atitude e foco corretos fez uma tremenda diferença em minha carreira e após 32 anos gosto ainda mais de minha profissão do que gostava nos anos iniciais. 

    Sabendo que Deus deseja e espera o nosso melhor, penso que seja importante fazermos a nós mesmos algumas perguntas difíceis: Estamos dando o melhor em nossa vida profis-sional?  Estamos dando o melhor para nossa família e nossos amados?  Estamos dando o melhor em tudo o que fazemos e em tudo o que somos? Estamos dando o nosso melhor para Deus? _   Como temos êxito esperando pelo melhor? Penso que fazemos isto mantendo o foco no melhor. Como Filipenses 4:8 nos instrui:  Finalmente, irmãos, tudo o que for verdadeiro, tudo o que for nobre, tudo o que for correto, tudo o que for puro, tudo o que for amável, tudo o que for de boa fama, se houver  algo de excelente ou digno de louvor, pensem nessas coisas.”

 

Próxima semana tem mais!     Texto de autoria de Jim Langley, agente e perito em seguros de vida (CLU), da New York Life, desde 1983. Membro ativo do CBMC Santa Bárbara, Califórnia, desde 1987. Tradução de Mércia Padovani. Revisão e adaptação de J. Sergio Fortes (fortes.sergio@gmail.com)


Questões Para Reflexão ou Discussão  

1. Você já ouviu falar no “Efeito Pigmaleão” ou assistiu à peça, viu o musical ou o filme “My Fair Lady”? Qual sua opinião sobre se esforçar para esperar o melhor dos outros?

2. Para você, o que significa saber que Deus espera o melhor de você, seja no trabalho, no lar ou em outras áreas pessoais?

3. Como podemos efetivamente esperar o melhor dos outros e comunicar isso a eles de forma positiva?

4. Como você responde às difíceis perguntas que o autor faz ao final deste Maná? Por quê?

Nota.: Desejando considerar outras passagens da Bíblia relacionadas ao tema, sugerimos Provérbios 10:5; 27:23-27; 28:12; Gálatas 6:9-10; Filipenses 3:12-14; I Pedro 5:2-4.


MANÁ DA SEGUNDA® é uma reflexão semanal do CBMC - Conectando Business e Mercado a Cristo, organização mundial, sem fins lucrativos e vínculo religioso, fundada em 1930, com o propósito de compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo com a comunidade profissional e empresarial. © 2013 - DIREITOS RESERVADOS PARA CBMC BRASIL - E-mail: liong@cbmc.org.br -Desejável distribuição gratuita na íntegra. Reprodução requer prévia autorização. Disponível também em alemão, espanhol, francês, inglês, italiano e japonês.

Somos contra o SPAM na rede e em favor do direito à privacidade. Esta mensagem não é considerada SPAM, pois o remetente está identificado, o conteúdo claramente descrito e com a opção de exclusão de seu e-mail. Para exclusão do seu nome de nossa lista de mailing , por favor, envie um email para liong@cbmc.org.br escrevendo 'REMOVER' no campo de assunto.







Pérolas.Preciosas - Copyright © 2005-2020 - Todos os direitos reservados ao autor
Permitido imprimir, tirar cópias e colocar em boletins informativos, desde que citando a fonte.