Cada Dia, o Ano Todo!
Junho
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930    
BUSCA:
  

Menu Principal

INICIANTES
    Evangelismo
    Principiantes
    Discipulado
    Discipulador
    Introdução à Bíblia
    Apostilas
AVANÇADO
    Homilética
    Hermenêutica
    Religiões
    Seitas
    Doutrinas
    História da Igreja
VIDA CRISTÃ
    Aos Cristãos em Geral
    Aconselhamento
    Minhas Pérolas
    Finanças
BÍBLIA
    As Escrituras
    VT - Diversos
    VT - História
    VT - Livros
    VT - Sinopse
    NT - Diversos
    NT - História
    NT - Livros
    NT - Sinopse
    Mapas
    Cronologias
    Provérbios
    Salmos
    Panorâmica
    Bíblia Toda em Um Ano
    Esquemas Mensais
ELES / ELAS
    Casais
    Homens
    Líderes
    Liderança
    Maná da Segunda
    Mulheres
    Dicas
    Receitas
EBD / EBF
MISSÕES
    Missões
    Missionários
    Diversos
DIVERSOS
    Hoje
    De a A a Z
    Folhetos
    Reflexões
    Eventos
    Dias Especiais
    Ocasiões
    Publicações

05 13 LIVRES por Jesus ! oc
05 01 Dia do Trabalho oc
05 02 sobre o Trabalho oc rfx
05 13 Abolição oc
05 15 Efeitos da libertação oc rfx
Dentro.Fora da IGREJA oc
05 04 Mãe, que presente quer ? oc
1+ 1 = 1 ? * oc rfx
07 de abril Hist oc
09.06 Pentecostes oc
Esp Sto: não entristecer (4) oc
é FERIADO oc
*Devocionais de janeiro oc
uma cançãopara amenizar
EspSto no VT (1 )
Esp Sto no NT (2)
Esp Sto: ordens ( 3 )
 



Zona de Conforto: e desconfortos %

MANÁ DA SEGUNDA www.cbmc.org.br

                                                       http://www.facebook.com/groups/CBMCBRASIL

                                                                https://manadasegunda.podbean.com/

9 de dezembro de 2019

Vinte e dois anos servindo às comunidades empresarial e profissional


Fatos Desconfortáveis sobre Zona de Conforto  Por Sérgio Fortes

 

Alguns meses atrás, uma edição do Maná da Segunda discutiu algo com que muitos de nós temos nos deparado: a zona de conforto. Parece apropriado revisitar esse tópico, já que se trata de uma questão comum no ambiente de trabalho cotidiano, bem como nas vidas das pessoas. É ali que queremos estar e nos sentir menos ameaçados; é familiar e previsível. Aparentemente é confortável porque não nos sentimos pressionados e desafiados além do que normalmente estamos acostumados.

 

Nossa “zona de conforto” individual é identificada através de ações, pensamentos, conceitos e comportamentos específicos, que se transformam em um hábito permanente. A zona de conforto traz os benefícios da harmonia, sem medo, ansiedade ou riscos. Entretanto, a vida na zona de conforto pode nos impedir de realizar mais do que pensávamos poder. Ela nos impede de descobrir que temos uma capacidade maior do que imaginávamos, porque nos recusamos a nos projetar para além do que já conhecemos. A zona de conforto evita que exploremos novas ideias, bloqueia perguntas e inibe a tomada de decisões.

 

Desfrutando os benefícios da segurança e a sensação de que todas as coisas estão sob controle, geralmente achamos difícil mudar esse status quo. Contudo, ao invés de ser uma vantagem, a zona de conforto pode levar uma companhia ou um indivíduo para o caminho da monotonia, estagnação, insatisfação, inveja dos outros e a fornecer desculpas para tudo.

 

A escolha por permanecer na zona de conforto significa desistir do processo de desenvolvimento, bem como das oportunidades para crescimento. Seria o mesmo que atrofiar a vida profissional de uma pessoa. Os anos passam sem desafios, e uma vida estagnada se torna empobrecida. Escapar da zona de conforto leva à descoberta de novas oportunidades e potenciais, à conquista de maior confiança, aumento da criatividade e até mesmo uma renovação da vontade de viver.

 

As Escrituras apresentam inúmeros exemplos de pessoas que pareciam bem confortáveis onde estavam, fazendo o que faziam. Mas Deus tinha planos maiores e melhores para elas. Para cumprir esses planos Ele precisava forçá-las a sair de suas zonas de conforto. Aqui estão algumas delas:

 

O desafio de Abraão. Deus desafiou Abraão: “...Saia da sua terra, do meio dos seus parentes e da casa de seu pai...” para ir para uma terra que Ele iria mostrar-lhe (Gênesis 12:1-3). A despeito da fabulosa promessa de que ele se tornaria “pai de uma grande nação”aquilo era um tremendo ataque à zona de conforto de Abraão. A palavra “deixe” em hebraico é “lech-lecha” – jogo com uma palavra composta de dois termos quase idênticos. O primeiro termo significa “ir”, e o segundo, “para si mesmo”. Isso significava a partida de Abraão de sua terra natal com o desafio de ir em busca de sua autêntica identidade.

 

O imenso projeto da Terra Prometida. Para Israel, um povo acostumado à mesmice de quatro séculos de rotina, a instrução de Deus para partirem em busca da Terra Prometida deve ter sido uma sacudida assustadora na zona de conforto da nação. Grandes líderes foram levantados por Deus e eles os guiaram com precisão durante o processo que conhecemos como o “êxodo”. Essa é uma história incomparável de como enfrentar e vencer a zona de conforto.

 

Explorando o outro lado. Jesus Cristo desafiou Seus discípulos: “...Vamos para o outro lado”. (Marcos 4:35). Eles conheciam muito bem aquele mar. Eles sabiam como navegar nele confortavelmente. Porém, ir para o outro lado era um grande desafio: já era tarde e ir para lá podia ser arriscado. Então, logo depois de partirem, começou uma tremenda tempestade! Sua zona de conforto foi bombardeada. Somente a confiança em Jesus os capacitou a sobreviverem na esfera do desconforto.

 

A afirmação de Jesus é confortadora: “Vamos...”. Sabe por quê? Porque significa que Ele vai conosco. E saber que Ele está aqui, atravessando para o “outro lado”  conosco  transforma tudo numa aventura segura, embora divertida!

 

Próxima semana tem mais! _  Sérgio Fortes é mentor e consultor em logística e negócios estratégicos corporativos. Como membro do CBMC na cidade de São Paulo, Brasil, coordenou a revisão e tradução do “Monday's Manna” e a tradução em português por mais de 20 anos. Ele permanece comprometido com o Senhor Jesus em Sua missão de fazer discípulos. Tradução de Mércia Padovani. Revisão de Juan Nieto (jcnieto20@gmail.com).


Questões Para Reflexão ou Discussão

1. Você tem uma zona de conforto? Como você a descreve?

2. É fácil para você aventurar-se fora de sua zona de conforto? Por que é assim – não só para você, mas também para outros – até mesmo empresas, corporações e outras organizações?

3. Dê um exemplo de quando a determinação de sair da zona de conforto resultou em benefícios. Isso fez com que você se aventurasse com mais frequência no que não lhe é familiar?

4. Qual o papel da fé para vencer a tentação de permanecer dentro da zona de conforto? O que o desafio e a promessa de Jesus “Vamos para o outro lado” significa para você?

Nota: Desejando considerar outras passagens da Bíblia relacionadas ao tema, sugerimos: Gênesis 6:9; 7;5; Êxodo 3:1-14; Salmos 37:4-5; Provérbios 3:5-6; Mateus 28:19-20.

-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-

MANÁ DA SEGUNDA® é uma reflexão semanal do CBMC - Conectando Business e Mercado a Cristo, organização mundial, sem fins lucrativos e vínculo religioso, fundada em 1930, com o propósito de compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo com a comunidade profissional e empresarial. © 2019 - DIREITOS RESERVADOS PARA CBMC BRASIL - E-mail: adm.mana@cbmc.org.br - Desejável distribuição gratuita na íntegra. Reprodução requer prévia autorização. Disponível também em alemão, espanhol, francês, inglês, italiano e japonês.


Somos contra o SPAM na rede e em favor do direito à privacidade. Esta mensagem não é considerada SPAM, pois o remetente está identificado, o conteúdo claramente descrito e com a opção de exclusão de seu e-mail. Para exclusão do seu nome de nossa lista de mailing , por favor, envie um e-mail para adm.mana@cbmc.org.br escrevendo 'REMOVER' no campo de assunto.


Questões Para Reflexão ou Discussão

1. Você tem uma zona de conforto? Como você a descreve?

2. É fácil para você aventurar-se fora de sua zona de conforto? Por que é assim – não só para você, mas também para outros – até mesmo empresas, corporações e outras organizações?

3. Dê um exemplo de quando a determinação de sair da zona de conforto resultou em benefícios. Isso fez com que você se aventurasse com mais frequência no que não lhe é familiar?

4. Qual o papel da fé para vencer a tentação de permanecer dentro da zona de conforto? O que o desafio e a promessa de Jesus “Vamos para o outro lado” significa para você?

Nota: Desejando considerar outras passagens da Bíblia relacionadas ao tema, sugerimos: Gênesis 6:9; 7;5; Êxodo 3:1-14; Salmos 37:4-5; Provérbios 3:5-6; Mateus 28:19-20.


 






Pérolas.Preciosas - Copyright © 2005-2020 - Todos os direitos reservados ao autor
Permitido imprimir, tirar cópias e colocar em boletins informativos, desde que citando a fonte.